Cursos 01 728x90 Marketing

Guedes espera vitória de Lira para propor nova CPMF

Candidato à presidência da Câmara já afirmou publicamente que colocaria proposta em discussão

Por Jorge Matos em 20/01/2021 às 10:54:08
Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

O ministro Paulo Guedes pretende apresentar novamente o projeto que estabelece o imposto para transações financeiras, caso Arthur Lira (PP-AL) vença a disputa para o comando da Câmara dos Deputados.

Lira já declarou que colocará a proposta em discussão, com a condição de a alíquota não ser "alta". Em conversas com interlocutores, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que aceita a cobrança de 0,10% de imposto, o que aparentemente agrada o parlamentar.

Os últimos dois anos foram de idas e vindas entre o Congresso Nacional e o Ministério da Economia para a votação da emenda. Guedes chegou a enviar a proposta para o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) , que refutou a ideia. Na época, o Governo Federal argumentou que a "nova CPMF" poderia reduzir o imposto sobre os salários e movimentar o mercado de trabalho nos próximos anos.

A equipe econômica acredita que a vitória de Arthur Lira pode abrir caminho para que a proposta volte a ser cogitada no Congresso Nacional.

O candidato de oposição ao governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados, Baleia Rossi (MDB-SP), afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo que é contra a medida. "Não tem espaço para aumento da carga tributária. Não vejo a CPMF tendo algum impacto positivo na economia, senão aumentar a carga tributária. Não é bom", disse Rossi.

Fonte: Redação, com informações do IG

Comunicar erro

Comentários

Isael Barros