Pesquisa Lauro Hoje

De Frente com o Eleitor: TSE lança campanha de concientização durante campanhas políticas

Relatos enviados pelos leitores do jornal A Tarde, mostram que as campanhas políticas têm causado aglomerações, sobretudo no interior do estado

Por Rodrigo Pimentel em 17/10/2020 às 13:59:45
Campanha de Robério: Gentio do Ouro-BA

Campanha de Robério: Gentio do Ouro-BA

Em meio ao cenário atual de pandemia, a menos de um mês das eleições municipais, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) lançou uma campanha de conscientização para que os candidatos realizem com segurança as programações externas da campanha eleitoral.

Nas últimas semanas, segundo relatos enviados pelos leitores do jornal A Tarde, as campanhas políticas têm causado aglomerações, sobretudo no interior do estado, com registros de pessoas nas ruas, sem uso de equipamentos de proteção individual (EPI) como máscaras.


Veja também: De Frente com o Eleitor: Centro de operações da Sesab recomenda proibição de comícios e passeatas na Bahia

De acordo com o desembargador e presidente do TRE da Bahia, Jatahy Fonseca, a renovação dos mandatos é imprescindível e, por conta disso, as eleições precisam ser realizadas, mas de forma segura. "Temos que respeitar a legislação eleitoral, bem como as medidas sanitárias, já que só assim teremos segurança. O próprio eleitor vai cobrar ao candidato que não estiver seguindo os protocolos", afirmou.


Distribuição de equipamentos:

Para garantir a segurança dos eleitores, mesários e demais voluntários que vão trabalhar nas eleições, o TRE começou a distribuir equipamentos de segurança para as zonas eleitorais da capital baiana e do interior do estado.

Entre os itens distribuídos estão: álcool em gel e líquido a 70%, máscaras descartáveis, face shields, cartazes e adesivos.

Educação coletiva:

Segundo a infectologista Dra. Clarissa Ramos, existe uma preocupação a respeito do dia das eleições, já que é uma ocasião que vai gerar certa aglomeração por parte da população e que a distribuição de equipamentos de segurança é de extrema importância, tanto para os eleitores quanto para os mesários e voluntários.

A médica ainda ressalta a necessidade de uma educação individual por parte dos eleitores no cumprimento das medidas de segurança estabelecidas. "As pessoas precisam ter a noção de que é preciso manter a distância e os bons hábitos de higiene. Não adianta termos protocolos bem feitos, se a população não está adequada para colocá-los em prática", completou.

Fonte: A Tarde

LauroZap Fullbanner

Comentários